quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Onde estamos gurdando as nossas roupas sujas?




Onde estamos deixando aquilo que já foi usado e agora foi descartado?
Onde estamos nos desfazendo daquilo que já passou?
Onde deixamos os sonhos que não aconteceram?
Onde ficaram os milagres que não vieram?
Onde desovamos as nossas frustrações?
Onde guardamos os relacionamentos maus resolvidos?
Onde escondemos o choro que deu um nó na garganta?
Onde depositamos as lagrimas que não foram enxugadas?
Onde encostamos o abraço o beijo que nunca existiu?
Onde guardamos o perdão que não demos?
Onde enclausuramos o amor que não dividimos?
Onde sufocamos o grito de “agora chega” que poderia nos libertar?
Onde escondemos as roupas sujas que deveriam ser lavadas?
Onde guardamos a chave do porão da alma que anseia por um raio de sol?
Onde? Ainda não sei, mas não quero ter que me apresentar a Deus com roupas sujas escondidas.

Pr, Abimael Alves

A Deus toda honra e toda gloria.

http://www.igrejarestauracaoevida.com/




Um comentário:

Yolanda disse...

Esse é pra nos fazer refletir... e mto!!!
Bjinhos!!!