terça-feira, 28 de abril de 2009

TUDO É ETERNO ENQUANTO DURA....


O tempo é os braços de Deus que ele usa para descortinar o palco para a próxima cena, saber respeitá-lo é ter a certeza que ao final nos encontraremos com os aplausos, não para o término do espetáculo, mais sim para inicio de uma nova cena.
Saber ser “servo” do tempo, saber andar em plena harmonia com ele, nos garantirá menor sofrimento, mesmo que a ansiedade que é inimiga do tempo tente nos consumir.
Nas Sagradas Escrituras, Jesus diz assim;
Não andeis cuidadosos quanto á vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo, mais do que a vestimenta? Olhai para as aves do céu, que não semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?E qual de vós poderá com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura?
Não temos como seres humanos , qualquer poder sobre o tempo, não podemos pará-lo, não podemos atrasá-lo, nem muito menos adiantá-lo, esse é um atributo que só diz respeito a Deus.
Se respeitarmos o tempo de Deus, ele faz as cortinas se abrirem para o próximo ato, e é certo que não sabemos o que nos espera na próxima cena, Jesus disse assim:
Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.
È bom sabermos que o tempo nos faz esquecer as dores do passado, o tempo nos faz rir daquilo que outrora nos fez chorar, o tempo promove encontros e desencontros, o tempo revela o que foi ocultado, o tempo em muitos casos se torna juiz, porque sentencia aqueles que nele esperam a condenação ou absolvição, o tempo não tem compaixão, o tempo não respeita dor nem alegria, o tempo não se rende ao clamor nem se comove com lágrimas, o tempo é como as águas de um rio que por ali passaram e nunca mais ao de voltar, o tempo não para.
Mas, no entanto, o melhor é saber que, como disse o grande sábio Salomão:
Tudo tem o seu tempo determinado, e há um tempo para todo o propósito debaixo do céu; há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou; tempo de matar e tempo de curar; tempo de derribar e tempo de edificar; tempo de chorar e tempo de rir; tempo de prantear e tempo de saltar; tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar e tempo de se afastar-se de abraçar; tempo de buscar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de deitar fora; tempo de rasgar e tempo de coser; tempo de estar calado e tempo de falar; tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz...
Há um tempo, e saber respeitá-lo fará toda a diferença entre os receberão os aplausos e os que irão aplaudir, no livro dos cânticos nos encontramos as seguintes palavras: Os que confiam no Senhor serão como o monte Sião, que não se abala, mas permanece para sempre...Aqueles que respeitam o tempo de Deus, ouvirão da boca do próprio Senhor do tempo: O TEMPO DE CANTAR CHEGOU...!!! Porque nenhuma tempestade dura à vida inteira, nem o sou brilha todos os dias, nem todo jardim está continuamente florido, mas nem toda rosa é só espinhos. O mais importante é saber que OS BRAÇOS DE DEUS É QUEM DESCORTINA O PALCO PARA O NOVO ESPETÁCULO...então viva cada momento com toda intensidade, porque o hoje, amanhã será passado e não voltará mais, e o amanhã ainda não foi feito, e vida é muito preciosa para ser desperdiçada com bobagens.
O BOM DE TUDO É SABER QUE NADA É PARA SEMPRE, MAS O TEMPO FAZ TUDO SER ETERNO ENQUANTO DURA.

sábado, 18 de abril de 2009

A ingratidão é a fiha da da soberba.


Conversando com grande amigo davi e pesquisando, descobri que uma filha da soberba, que é a ingratudão, e, quem afirma isso não sou eu, mas nada mais nada menos de Miguel de Cerantes Saavedra (Alcantarde Henares, 29 de Setembro de 1547- Madrid, 23 de Abril de 1616), romancista drama mais importante obra em castelhano, Don Quixote de La Mancha, é exatamente aquele que lutava contra, os moinhos de vento.

Sempre recorro as Escrituras, por entender, que a Bíblia, é o Manual do Fabricante, especificamente no livro de Lucas capitulo 17 versículos de 11a 19 encontramos a passagem onde Cristo cura dez leprosos, a passagem é conhecida, Jesus estava viajando quando passou entre as regioões de Samaria e da Galiléia. Como de costume pr onde passava, pessoas doentes, iam se encontrar com ele. Dentre estes 10 leprosos gritararam de longe: JESUS TENHA PENA DE NÓS!

Qual foi a reação de Jesus? Ele poderia perfeitamente ter curado todos ali,de forma instantânea,mas bradou:"Vão e peçam aos sacerdotes que examinem vocês".E quando iam pelo caminho para encontrarem os sacerdotes todos foram curados.Acredito que agiu desta forma,para ver,efetivamente qual seria a reação de cada um.

Esta passagem é um pouco parecida com o bom samaritano que ajudou aquele que foi assaltado,pois foi também uma samaritano, que diga-se de passagem,eram inimigos dos judeus,e Cristo era judeu que quando viu que já estava curado,voltou louvando a Deus em voz alta,ajoelhando-se aos pés e agradecendo.

Finalizo,como fiz no outro artigo,afirmando que assim como os soberbos,precisam de luz para brilhar,um dia esta luz acaba,e a peça de teatro que é a vida,termina, e o que sobra é muito triste.
Assim também funciona com os ingratos, pois,cedo ou tarde, o tempo que é senhor absoluto de tudo o que existe no mundo,acaba mostrando que apesar de todo o amor e misericordia do Pai,ele é Deus justo e aquilo que você planta você colhe,inclusive a ingratidão que tem um gosto muito amargo. Nosso Pai amado que o diga.!
Dr.Amilcar Pezzolo.

sexta-feira, 17 de abril de 2009

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Por que tem que ser assim..???


Por que tem que ser assim???

Temos as rosas nas mãos, mas só valorizamos os espinhos.

Falamos de amor, mas praticamos a maldade.

Abraçamos com sorriso, e traímos com um beijo.

Juramos amor eterno, que por fim acaba só existindo enquanto dura.

Pregamos humildade, mas o com um coração soberbo.

Choramos a perda já pensando em como tirar vantagem disso.

Perdoamos, mas ainda clamamos por justiça.

Amamos, mas esperamos algo em troca.

Falamos que queremos somar, mas na verdade dividimos.

Prometemos guardar as lembranças, mas logo nos esquecemos.

Declaramos que será insubstituível, mas já colocamos outro em seu lugar.

Misturamos as nossas lágrimas, depois não misturamos nem os olhares..

Caminhamos juntos na mesma estrada, mas percebemos que os destinos eram diferentes.

POR QUE TEM QUE SER ASSIM? O Divino responde assim “Muitos propósitos háno coração do homem, mas o conselho do Senhor permanecerá.

Já o humano responde assim: é a vida é bonita e é bonita...._

Abimael Alves.

sexta-feira, 3 de abril de 2009

A dor da traição....!!!!


Crucifica-o..!!!!!!!
Aqueles que um dia me abraçaram,
são os mesmos que hoje me repudiam.
Os mesmos que ontem me honravam,
hoje tripudiam sobre meu nome.
Os que disseram, nunca vamos te abandonar,
viraram na primeira esquina, e tomaram outro rumo.
Aqueles que diziam que me amavam,
são hoje os destilam ódio por minha vida.
A boca que ontem falava em compaixão,
é a mesma que hoje deixa escorrer veneno pelos cantos.
O mesmos que um dia me compararam a “anjo”,
hoje não passo de demônio.
Aqueles lábios que ontem beijavam minha face,
hoje são simbolo da dor da traição.
Os mesmos que comeram na multiplicação dos
pães e peixes, também gritaram
CRUCIFICA-O, crucifica-o!!!!!!!!!!!
Pr. Abimael Alves.
A Deus toda honra e toda gloria.

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Desabafo do coração....!!!


Anjo ou Demônio??..
Eu quero acreditar que em meio às pessoas que me atiram pedras, sempre haverá quem se levantará para ajudar-me a curar as feridas.

Que em meio aos que me caluniam, colocando palavras em meus lábios que por elas nunca se moveram, alguém levantará a sua voz e bramará pela verdade em meu favor,

Que nas noites em que a dor da traição do desprezo, da ingratidão, impedir que o sono envolva o meu ser; quero acreditar que neste momento alguém estará com seus joelhos dobrados aos pés da sua cama, orando ao Pai, dizendo: Pai julgue a causa do teu filho, e encontre nele inocência.

Quando em meio ao pranto onde as lágrimas transbordarem como um riacho, e rolarem molhando minha face, e eu não mais conseguir ocultá-las, então quero acreditar que haverá alguém ao meu lado, que não me terá como um fraco, nem tentará detê-las ou enxugá-las, simplesmente me emprestará o seu peito, me guardará em seus braços, e me protegerá dos meus inimigos, e em meio aos soluços da alma, ouvirei sua voz calma e suave a me dizer: tudo vai passar, mais pode lavar a sua alma com as lagrimas da dor; eu estou aqui!!!...

Mesmo em meio ao abandono, em meio ao desespero da alma gritando em meio a dor da incompreensão, eu ainda quero acreditar que amar vale a pena e que a vida vale a pena ser vivida, e que viver pequenos momentos de felicidades é melhor do que nunca tê-los vividos, por medo de sofrer.

Então mesmo que fiquem as cicatrizes espalhadas por todo o meu corpo e alma, ainda assim quero acreditar que O MELHOR DE DEUS PARA MINHA VIDA AINDA ESTA POR VIR, e que Ele somente Ele pode me dar um motivo para continuar a sonhar...
Pr. Abimael Alves
A Deus toda honra e toda gloria.