terça-feira, 13 de julho de 2010

Não seja comum, seja extraordinário..!!!















No mundo existem dois tipos de pessoas, aquelas que se conformam com tudo que a vida lhe oferece, e as que são inconformadas e lutam para alcançarem mais do que aquilo que lhe é oferecido.
Eu chamo estas pessoas de pessoas comuns ou pessoas extraordinárias; As comuns são as conformadas, as extraordinárias, são aquelas que sempre estão um passo a frente.
Conta-nos a Bíblia, que Jesus estava em Jerusalém, quando entrou numa cidade chamada Betfage, que traduzido quer dizer; Cidade do Figo. E num certo momento Jesus estava caminhando por uma estrada e teve fome, avistando uma figueira, procurou nela figo, mas não havia nela frutos porque não era tempo, então Jesus disse-lhe: Nunca mais nasça fruto de ti. E a figueira secou imediatamente.
Neste momento muitos poderiam dizer que Jesus foi injusto, pois não era tempo de figo por isso ela não tinha frutos para alimentá-lo.
Mas na verdade Jesus não estava em uma cidade comum onde se espera que os frutos apareçam ao seu tempo, ele estava em uma cidade conhecida pelos seus frutos, tanto que se chamava Cidade do Figo, isso significava que ela tinha que ter figo sempre, ela não era uma cidade comum, era uma cidade extraordinária.
Assim somos nós, há alguns frutos que não podem surgir só em tempos oportunos, eles precisam estar em nós sempre, porque não somos pessoas comuns, somos pessoas extraordinárias, pois somos chamados o povo de Deus, o povo do caminho, somos conhecidos como o povo da fé.
Não somente Jesus, mas todos que nos procuram, criam em si uma expectativa de encontrar em nós frutos que não encontrariam em outras pessoas, mesmo em momentos mais estranhos ou adversos, porque sabem que não somos comuns somos um povo extraordinário.
Por tudo isso e muito mais, cultive dentro de você frutos dignos de serem compartilhados com aqueles que procuram num momento de fome, frutos como: Amor, bondade, mansidão, fé, perseverança, perdão e todos os demais frutos que possam vir a matar a fome daqueles tenham fome e estejam a procura de frutos em pessoas extraordinárias.
A Deus toda honra e toda glória.

Nenhum comentário: